Busca no Site

Interativos

Receba nossas novidades



Receber em HTML?

Enquete

Sacerdócio Feminino
 

Compartilhe este site

Faça um pedido de oração





  
Informe o código de segurança para confirmar:
 

Celebração Eucarística PDF Imprimir E-mail

                 Foi na quinta feira Santa que Jesus quis celebrar uma Ceia de despedida com os Apóstolos. Depois de lavar os pés de seus discípulos, Jesus celebrou a primeira Missa. Pegou o pão e disse: Tomai e Comei todos vós: Isto é o meu corpo. Partiu o pão e deu a cada um dos Apóstolos. Estes receberam pela primeira vez a Eucaristia.

                 Depois Jesus pegou o Cálice com vinho e disse: Tomai e Bebei. Este é o Cálice do meu sangue, Sangue da nova e eterna Aliança, que será derramado por vós. Jesus completou: Fazei isto em memória de mim. (Lucas 22, 14-20).

                 Assim Jesus deu poder aos Apóstolos, de celebrar a missa em memória dele. A Missa é o louvor mais importante que prestamos a Deus. É por isto que devemos participar com muito Amor, respeito e devoção. Missa não é apenas para ser assistida, é para ser participada. Devemos participar da Santa Missa todos os domingos e dias Santos, juntos com a família.

Partes da Missa:        

A Missa está dividida em duas grandes partes:

             1) Liturgia da Palavra: É o momento em que meditamos a palavra de Deus, especialmente as Epístolas e os Evangelhos.

             2) Liturgia Eucarística: a) Ofertório: O Sacerdote junto com os fiéis oferecem o pão e o vinho a Deus. Oferece também nossas vidas e um pouco do que temos, pois tudo dele recebemos.

                                                         b) Consagração: É o momento em que o Sacerdote repete as mesmas palavras de Jesus na última Ceia, é transformando em pão e Vinho no corpo de Jesus. É o momento de grande respeito e devoção.

                                                          c) Comunhão: É o momento de termos a felicidade de receber a maior parte de todas as visitas, o corpo de Cristo na hóstia consagrada. É o alimento espiritual da nossa fé.

O Valor da Santa Missa

A Missa é o sacrifício do corpo e do sangue de Nosso Senhor Jesus Cristo, oferecido em nossos altares, em memória do sacrifício da Cruz. O Sacrifício da Missa é oferecido para adorar e glorificar a Deus, para agradecer os benefícios recebidos, para obter de Deus o perdão dos pecados e para pedir a Deus graças e favores.

                    1)      Na hora da morte, as Missas a que houveres assistido, serão a tua maior consolação. Um dos fins da Santa Missa é alcançar para ti o perdão dos teus pecados, pois em cada Missa, podes diminuir a pena temporal devida aos teus pecados, pena essa que será diminuída na proporção do teu fervor.

Assistindo com devoção à Santa Missa, prestas a maior das honras à humanidade de Jesus Cristo. Ele se compadece de muitas das tuas negligências e omissões. Perdoa os pecados veniais não confessados, dos quais porém, te arrependes; preserva-te de muitos perigos e desgraças que te abateriam.

Diminui o império de Satanás sobre ti mesmo. Sufraga as almas do Purgatório da melhor maneira possível. Uma só Missa a que houveres assistido em vida, serte-á mais salutar que muitas a que os outros assistirão por ti depois da morte. Será ratificada no Céu a benção, que do Sacerdote recebes na Santa Missa (Santo Agostinho).

2) O martírio não é nada em comparação com a Santa Missa. Pelo martírio, o homem oferece a Deus a sua vida; na Santa Missa, porém, Deus dá o seu corpo e o seu sangue em sacrifício para os homens. Se o homem reconhecesse devidamente esse mistério, morreria de Amor. A Eucaristia é o milagre supremo do Salvador: é o dom soberano do seu Amor.

3) Todas as missas tem um valor infinito, pois são celebradas pelo próprio Jesus Cristo, com uma devoção e amor acima do entendimento dos homens, constituindo o meio mais eficaz, que nos deixou Nosso Senhor Jesus Cristo, para a salvação da humanidade. (Santa Mectilde)

4) Nenhuma língua humana pode exprimir os frutos de graças que atrai o oferecimento do Santo Sacrifício da Missa. (São Lourenço)

                  5)      A Santa Missa é uma embaixada à Santíssima Trindade; de inestimável valor; é o próprio Filho de Deus que a oferece (São João Vianney, o Cura D’As)

                  6)      Nosso Senhor Jesus Cristo nos concede tudo o que lhe pedimos na Santa Missa; e o que mais vale é que nos dá ainda o que nem sequer cogitamos pedir-lhe e que, entretanto nos é necessário. Cada Missa a que assistimos, alcançaremos no Céu, maior grau de Glória. (São Jerônimo)